(48) 3521-0835

Demandas do Governo do Estado sĂŁo discutidas na CĂąmara

      Apesar das demandas locais de competência da administração municipal serem as mais discutidas entre os vereadores, existem aquelas, que para serem atendidas, dependem da boa vontade do governo do Estado. E, foi exatamente este o foco principal da sessão de quarta, 06, na Câmara de Vereadores de Araranguá quando alguns requerimentos aprovados eram direcionados às autoridades estaduais.

O primeiro requerimento de autoria do vereador Neno Fontoura (PPS), solicita a a participação do gerente regional da ADR de Araranguá, Heriberto Schimidt, durante uma sessão, para fazer um balanço das atividades da agência na região. Segundo o autor do pedido, dados precisam ser mostrados com mais detalhes. “Considero muito importante para sabermos das ações que estão sendo implementadas pela gerência, afinal é um braço do Governo do Estado na região”, justificou.

Na área da Educação, outros requerimentos também acabaram sendo discutidos e aprovados. O primeiro de autoria do vereador, Jacinto Dassoler (PP), que solicita a transferência do prédio da Escola de Educação Básica de Ilhas, do Estado para o município. “O prédio é do Estado e está desativado com a construção de uma nova escola pelo município. O local poderá ser usado pela associação de moradores para outras atividades comunitárias como Clube de Mães, por exemplo”, argumentou o vereador autor.

A reforma do ginásio de esportes da escola Bernadino Senna Campos (pertencente a rede estadual)  foi foco do requerimento do vereador, Adão Vidrinho dos Santos (PR), que solicita aos deputados de seu partido noâmbito estadual e federal, que intercedam para a conquista da obra. “O ginásio por ser aberto e ficar sem seguranças a noite e nos finais de semana esta sofrendo com atos de vandalismo. Por este motivo, solicito que seja feita a reforma do ginásio, que além de tudo, vai contribuir com professores e a comunidade”, defendeu o republicano.

Apesar de não estarem na ordem do dia, outros dois requerimentos que deram entrada na casa também seguirão tramitando no mesmo sentido. De autoria do vereador, Jacinto Dassoler (PP), com a coautoria do presidente, Daniel Viriato Afonso (PP), e dos vereadores, Cristiano Tano (PP) e Marcio Tubinho (PP), a solicitação de recursos do Governo do Estado para compra de um trator agrícola equipado com ensiladeira e colheitadeira para a Agricultura; e do vereador, Neno Fontoura (PPS), a solicitação da reforma da Escola de Educação Básica de Araranguá, bem como do seu ginásio de esportes. Ambos devem ser votados nas próximas sessões de Setembro.

 

Nome de Rua é aprovada e novas homenagens estão previstas

 

Ainda na sessão de quarta, 06, os vereadores aprovaram um projeto de Lei de autoria do vereador, Jair Anastácio (PT), que denomina “Alex Gomes” a atual Rua M, situada no Loteamento Campinas do Sul, no Bairro Lagoão. Alex, que foi um dos fundadores da Casa da Fraternidade, faleceu em 2015, vítima de câncer.

Na próxima segunda, 11, quem receberá uma honraria dos vereadores é o empresário Defendi Zanette, proprietário de uma tradicional loja de varejo na Rua Rui Barbosa, no bairro, Cidade Alta e outras homenagens seguem planejadas segundo o secretário da mesa diretora, vereador, Paulinho de Souza (PSD). “Nosso planejamento do mês conta com a discussão de importantes projetos, como a LDO prevista para a próxima semana, a entrega de algumas homenagens e criação de títulos de honraria. A população é convidada a participar das sessões e acompanhar de perto as ações dos vereadores”, detalhou.