(48) 3521-0835

Lideranças discutiram a garantia de recursos para conclusão da Serra da Rocinha

Os benefícios que a tão sonhada pavimentação da BR-285 - conhecida Serra da Rocinha, trará para a região de Araranguá são inúmeros. Por isso, as lideranças políticas e empresariais do Vale, como é o caso do presidente da Câmara de Vereadores de Araranguá, Daniel Viriato Afonso, estão constantemente acompanhando o andamento da obra e as decisões do Governo Federal para mantê-la em andamento. “Sabemos que esta obra vai ajudar muito na economia da região e do nosso município que é polo na Amesc. Acredito que várias áreas serão beneficiadas, como é o caso do Turismo, já que a rodovia encurtará a distância de muitas cidades gaúchas e Araranguá. Por isso, em nome de todos os vereadores estarei cobrando das autoridades competentes que o ritmo da obra não pare”, mencionou o presidente que participou na manhã desta segunda, 16, de uma reunião promovida pela Aciva, na sede da entidade.

A reunião contou com a participação do deputado federal, Ronaldo Benedet, que foi porta-voz do senador, Dário Berger, cuja promessa é garantir os recursos para a continuidade da obra. Também estavam presentes no evento da Aciva, além de diretores da entidade, prefeitos e lideranças políticas dos municípios do Vale. O objetivo foi cobrar do deputado que a pavimentação seja concluída e que os recursos em caso de atraso, não sejam perdidos por conta das regras legais orçamentárias.

Segundo Benedet, apesar do orçamento de 2017 estar acabando, as notícias vindas do Governo Federal são boas. “O senador, Dário, garante R$ 40 milhões para a obra no ano que vem. Também há expectativa de serem usados R$ 60 milhões que não foram aplicados noutra obra no Oeste catarinense. Com estes R$ 100 milhões será possível concluir a pavimentação”, garantiu o deputado.

A obra da Serra da Rocinha foi retomada no final de 2016. Uma das principais expectativas com a sua conclusão é que produtos da agricultura do Rio Grande do Sul como soja e milho, serão escoados pela região da Amesc, principalmente para distribuição no Porto de Imbituba. “Se as promessas forem cumpridas dentro do prazo que imaginamos, poderemos em ter muitos investimentos e negócios gerados aqui na região. Vamos continuar cobrando para que isso aconteça”, comentou o presidente da Câmara, Daniel Viriato Afonso.

 

Fotos: Felipe Balthazar